quarta-feira, 9 de março de 2011

Doentes renais "mais suscetíveis" de desenvolver doenças cardiovasculares complicadas

A Sociedade Portuguesa de Nefrologia (SPN) alertou hoje que os doentes renais crónicos são "mais suscetíveis" de desenvolver doenças cardiovasculares complicadas, nomeadamente o enfarte do miocárdio.

O alerta da SPN surge nas vésperas do Dia Mundial do Rim (10 de março), este ano subordinado ao tema "Proteja os seus rins, salve o seu coração", focando a relação entre a doença renal crónica e as doenças cardiovasculares.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da SPN, Fernando Nolasco, adiantou que "a associação da doença renal com a doença cardiovascular tem um efeito multiplicador", sendo os acidentes cardiovasculares "uma das grandes causas de morte dos doentes renais".

Fonte: RTP

Sem comentários:

Publicar um comentário